Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

JBS/Friboi vende produtos falsos!

Esta matéria poderá parecer aula de culinária, mas não será. Trata-se dos produtos Friboi, amplamente anunciados em comerciais de TV pelo ator Tony Ramos, mas nada a ver com culinária. Trata-se de uma denúncia.  O JBS/Friboi vem vendendo produtos falsos, aproveitando a ignorância do povo sobre o assunto. Eu mesmo sou vítima e testemunha ocular da denúncia. 

E o que tem a ver que o JBS/Friboi está vendendo produto falso? Tem tudo a ver!  O JBS/Friboi é um dos maiores tomadores de empréstimos do BNDES a juros subsidiados, isto é a 3,5% ao ano, enquanto o governo capta a 10,5% ao ano pelo Tesouro.  Pela rápida conta que fiz os empréstimos do BNDES ao JBS/Friboi causa ao Tesouro, prejuízo de R$ 2 bilhões ao ano, pela equalização de juros.  Por enquanto, ninguém está pagando a conta. Os números estão perdidos na complexidade do encontro de contas entre Tesouro e BNDES.  

Meu raciocínio é o seguinte.  Vocês me acompanhem.  Se a empresa JBS/Friboi vende ao consumidor, com divulgação intensiva em mídia, produtos falsos, o que será da sua relação "incestuosa" com a presidência do BNDES, Luciano Coutinho?  Se tem a cara de pau de vender produtos falsos, falsos devem ser as divulgações sobre a verdadeira situação da empresa.  Lembrando que o chefe do Luciano Coutinho do BNDES é a própria presidente Dilma Rousseff.  A conclusão é que os Batistas do JBS/Friboi devem estar beneficiando a campanha Dilma 2014. Ninguém é bobo na terra do Lula.   

O grupo JBS/Friboi tem origem num frigorífico do interior de Goiás, também terra do seu assessor mór, nada menos que Henrique Meirelles, ex-presidente do Banco Central do Brasil do governo Lula.  A trajetória dos meninos Batistas, os dois, menos de 40 anos, guarda semelhança incrível com a trajetória do estelionatário Eike Batista, que causou prejuízos enormes aos acionistas minoritários e ao próprio BNDES.  Se vende até produto falso é porque "boa intenção" não tem os meninos Batistas.  

Quando uma empresa como JBS/Friboi começa vender produtos falsos é porque a situação da empresa está péssima.  Aliás, isto também, não é nenhuma novidade no mercado financeiro.  Até engraxate da Bovespa sabe disso.  Agora, com mais segurança, depois do produto falso, afirmar que JBS/Friboi será amanhã, a OGX do Eike Batista, hoje.  Só para confirmar o que o mercado financeiro fala a boca pequena.  Não enxerga quem não quer. 

Custo a acreditar, a leniência do TCU, do AGU para apurar os fatos amplamente noticiados e de conhecimento do público.  O MPF_PGR deveria abrir inquérito para apuração dos fatos, antes que seja tarde.  Com atuação preventiva, poderia evitar o catástrofe semelhante ao do grupo Eike Batista.  E a oposição onde anda que não se pronuncia a respeito?  Sim, o JBS/Friboi está devidamente blindado pelo, nada mais nada menos, que o Henrique Meirelles, o poderoso ex-presidente do Banco Central do governo Lula.

Tenho dito e ponto final.  Espero, apenas que as autoridades nominadas tomem providências devidas, sendo que leniência destes pressupõe cumplicidade com os fatos narrados aqui e na matéria anterior, que teve repercussão ampla nas redes sociais.

Ossami Sakamori
@SakaSakamori 


12 comentários:

  1. É, caro Saka; não tem dia que fiquemos sem uma noticia desastrosa (para nós) deste governo. Minha maior preocupação no momento é o Marco Civil... Confesso que estou apavorada com o que pode vir. Ótimo artigo, como sempre!

    ResponderExcluir
  2. Mande este artigo por telegrama com direito a cópia para o Aécio e o Campos. Quem sabe eles ainda não pegaram a moléstia do Lula do " eu não sabia"?

    ResponderExcluir
  3. fico feliz que pessoas como o senhor possam escrever e nos alertar do que a midia aberta nao nos diz, entretanto temos que espalhar as noticias visto que as eleicoes estao chegando, a releicao parece ser inerente e tácita

    ResponderExcluir
  4. Produtos falsos? Estao falsificando boi?? Como assim???

    Que eu saiba o bnds emprestou dinheiro a muita gente a 3, 5% de juros...supermercados, caminhoes entre outros foram subsidiados pelo bnds....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia a mensagem inteira (novamente, se necessário) e talvez você consiga entender o que significa "produtos falsos".

      Excluir
    2. JBS sozinho tem mais de 5% do PIS. QUER MAIS?
      Deve aos bancos, quase 4 x o patromonio liquido.
      Balanco fajuto, maquiado. QUER MAIS?

      Excluir
  5. Gostaria de saber por que os produtos sao falsos/ Por acaso sao carne de cavalo, cachorro ou outro animal? Tenho certeza absoluta que o Friboi e sim favorecido pelo BNDES porque o dinheiro volta para a Campanha de Dil-ma mas quanto a falsidade dos produtos, nao entendi. Pode esclarecer , por favor Sakamori?

    ResponderExcluir
  6. COXAO DURO sendo vendido como PICANHA!
    Picanha para eles!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hai Sakamori "samá"!
      Provavelmente o enfoque do JBS será : Para quem engole DILMA , FALCÃO, o PT, o MST, a "Alegre Confraria da PAPUDA", "et caterva" um Coxãozinho Duro sabe a Filé Minhão!!!

      Excluir
  7. Está vendo, sr Sakamori, como é difícil para a população discernir um assunto do outro? Pelos comentários dá para se ter uma noção. É questão de interpretação de texto. Mas, vamos em frente, uma hora o povo acorda e vai pensar direitinho.

    ResponderExcluir
  8. Faço votos que o povo acorde antes das Eleições ...
    Tudo o que o amigo Sakamori escreve o faz com lucidez e sabedoria, uma vez que estuda profundamente as causas e fatos reais da Economia brasileira. Não entende quem não quer...

    ResponderExcluir
  9. Poderia ser mais claro para que ignorantes como eu possamos entender!

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.