Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Vocês querem a saída para o Brasil da Dilma?

Muitos me questionam porque eu apresento só as falhas do governo Dilma sem apresentar soluções.  Isto é visão equivocada dos meus leitores, sobretudo os que estão chegando agora.  Não os culpo, pois no dia a dia, na correria, costumamos fazer juízo daquilo que a gente vê no momento.  Não analisamos, não procuramos saber o porque daquilo.

Esta matéria é de número 1.054, do blog que iniciamos há quase 2 anos, já são mais de 376 mil visualizações e são mais de 2.800 comentários.  

A intenção, sempre, foi de alertar o governo, no caso o governo Dilma, sobre graves problemas da vida política e econômica brasileira, sobretudo.  Tratamos aqui dos diversos temas, além da política e economia.  Falamos muito sobre os problemas sociais do país.  Falamos sobre educação, saúde pública e segurança pública.  Falamos sobre infra-estrutura.

Não é tarefa fácil, depois de "cagada feita" apontar o caminho da saída.  Durante construção de um prédio é possível apontar falhas, foi o que eu fizemos durante 2 anos.  O prédio está com a estrutura fissurada, abalada, em vias de implodir.  Que soluções podemos apresentar, num País que a Dilma desestruturou?  

Talvez seria melhor que o prédio caísse de uma vez por toda.  Ficaria mais fácil fazer o rescaldo do escombro e começar a erguer um novo prédio, sem vícios e sem estarmos preocupados com eventuais aparecimento de novas fissuras.   Pois o Brasil está assim.  O Brasil é como prédio, com sérios defeitos de concepção, que está prestes a implodir.

O mercado financeiro global, incluído o mercado financeiro local, tem dinâmica própria.  Só quem vive, como este que escreve, esta dinâmica há mais de 40 anos, sabe como tudo isto funciona.  Seria, querer demais que uma ex-gerente de lojinha, fugido do curso de pós-graduação em economia, tenha a visão "macro" do mercado financeiro global.  Nós com 40 anos de vivência, todos os dias, temos coisas para aprender.  Imagine Dilma?

O mercado financeiro global se auto corrige.  Sempre há uma sequência de crise e boom, boom e crise.  A penúltima crise global aconteceu em 1929 e a última em 2008.  Crises de memória recente. Os mais inteligentes, os mais espertos, já estão encontrando a saída  para a última crise, enquanto nós brasileiros estamos entrando nela.  Tudo foi adiado pela equipe econômica da Dilma, certamente com ordens dela, com fins eleitoreiros de 2014.  

Não há mágica para fazer.  Depois de "cagada feita" só mesmo esperando a acomodação que o próprio mercando financeiro global e local vai impor ao país.  Não tem muito o que fazer.  Quanto mais meche, o fedor se espalha mais ainda.  Precisamos de uma equipe competente, com presidente da República competente, para que implosão do prédio, leia-se Brasil, ocorra de uma maneira mais suave possível.  O desastre já é anunciado pelo 4 cantos do mundo.  Só não sabemos o tamanho do escombro.  

Nós apontamos soluções, as possíveis saídas, há 2 anos.  Agora, não tem muito o que fazer.  Estaremos atentos para as sequências de movimentos da implosão.  Só não sabemos se a equipe econômica do governo e a própria Dilma está preparada para enfrentá-la.  Receio que a presidente Dilma não esteja ciente da gravidade da situação.  Com certeza, a Dilma não está preocupada com a situação do País.  Senão vejamos.

A última demonstração de que nada preocupa a Dilma, foi na viagem da comitiva presidencial de 45 pessoas, se hospedarem no melhor hotel de Lisboa, com diária de R$ 26 mil.  E para completar, um jantar regado a um bom vinho português, no mais caro restaurante de Lisboa para os 45 comensais.  Cada um pagando sua conta com cartão corporativo como afirmara Dilma.  E nós contribuinte cobrindo o cartão corporativo da Dilma e seus 45 puxa-sacos.  A comitiva foi acomodada em 2 aviões da presidência.  Enquanto a Merkel, 4ª potência do mundo, manda o seu marido, viajar em avião de carreira, em viagens de Estado.  

Dilma preocupada com o Brasil?  Depois, vocês querem que eu aponte saída para situação econômica do País?  Isto é pedir demais.  Vocês querem que nós ensinemos a Dilma bêbada a pilotar um transatlântico?  Isto é pedir muito!  Somos professores, mas para alunos normais, com mentes equilibradas, não para mentes doentes.  Dessa aluna, estamos fora!

Ossami Sakamori
sakamori10@gmail.com 



13 comentários:

  1. Aqui no Brasil, infelizmente, os gestores públicos, em regra, não trabalham preocupados com o futuro do país. Preocupam-se com o futuro deles políticos. Pode até não está fazendo uma coisa interessante para o país, mas se isso interessa a imagem deles, está tudo bem. E o administrador precisa pensar sobretudo no futuro do órgão, da instituição ou do ente público que dirige. E como bem falou o seu artigo, o mercado financeiro não é coisa para inexperientes. O mercado financeiro com a sua própria dinâmica não se ilude com manobras eleitoreiras, como costumam fazer os nossos gestores. No passado, naqueles momentos de crises, vimos muito isso. O Governo a todo instante tentava resolver os problemas brasileiros através de pacotes, como tivemos vários no Governo de Sarney. Em vez de resolver a situação, esta a cada dia complicava-se mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A comparação com Sarney é bem pertinente.

      A verdade é que economicamente o governo da Dilma se assemelha mais ao do Sarney do que ao do Lulla.

      E politicamente o governo dela se assemelha ao do Collor, por isso essa sensação de desastre à vista.

      Politicamente vivemos o embuste e a lorota, em níveis superiores aos vistos nos governos de Lulla e FHC, e economicamente é um tal de tapar sol com peneira e empurrar com a barriga para depois das eleições.

      O desenrolar de 2014 já está bem delineado. Quem espera um desastre total, uma implosão, ficará surpreso. O país sobreviverá.

      O que me assusta muito é como será 2015. Talvez realmente seja tarde demais para se recuperar o restante da década.

      Abraços.

      Excluir
  2. Quando as pessoas tentam comparar a gestão Dilma com outros governos do passado, acho que ainda não entenderam que Dilma e o PT não querem solução para o Brasil, eles querem financiar a vida da cúpula de cuba(Fidel Castro). Essa era a intenção em 64, como não conseguiram estão tentando agora e com sucesso. Vejam a inauguração do porto Mariel em Cuba. Milhões de reais foram doados(Cuba não vai pagar) e Dilma vai doar mais dinheiro. E os nossos portos? Caindo aos pedaços. Quem financiava Cuba era URSS. Depois que o muro caiu, Fidel Castro voltou seus tentáculos para a América do Sul, que já tinha admiradores. Vários vizinhos nossos já financiam Cuba: Argentina, Venezuela.....O Brasileiro não cuida de suas coisas, fica esperando um salvador da pátria. Nem vou falar das FFAA, falo apenas dos civis.

    ResponderExcluir
  3. Belo post.

    Infelizmente a situação no Brasil é clara, só não entende quem não se interessa, que é o caso da maioria da massa falida.
    Minha esperança são as manifestações e o fiasco da copa que é a única coisa que pode fazer o povão querer mudança.
    Vou seguir o blog a partir de hoje.

    Abraços

    Vinícius

    ResponderExcluir
  4. Amigo Sakamori:
    Seu enfoque como sempre perfeito!
    Somos testemunhas de seus alertas desde o início dos efeitos da crise de 2008, ao início do Governo Dilma!
    Diferente de nós no MPF, não leram, sabe-se lá por quais motivos!
    Tivessem feito e hoje estaríamos mais tranquilos no tocante aos dias que temos à frente! É impressionante a covardia e ou a incompetência desse Mantega e sua troupe, pois, permitir que a Presidenta efetuasse essas doações através do BNDES a Cuba, e outros Estados, assim como , o não diligenciamento dos empréstimos efetuados, pode parecer-lhe nada, mas nós na PROCURADORIA DA REPÚBLICA , iremos cobrar pela nação! NÃO TENHAM DÚVIDAS!
    Enfim, meu amigo, para não alongar espero que consigamos superar mais este momento apreensivo que se avizinha com a ajuda lá de cima!
    Abraço-o com carinho,
    MARKITO DE SOUZA

    ResponderExcluir
  5. A sua explanação esta perfeita, resta agora a implosão...para ressurgir das cinzas....e qto ao depoimento do Srº Marquito de Souza...aguardo ansiosamente, com esperança.....A PROCURADORIA DA REPÚBLICA, rever e destrinchar esse emaranhado de empréstimos efetuados via BNDES..

    ResponderExcluir
  6. A tragédia brasileira não é culpa apenas do PT. Qualquer pessoa de bom senso percebe que somos comandados, faz tempo, por 3 poderes inidôneos. Enquanto o povo não acordar e tiver uma ação efetiva pra fechar esses 3 poderes corruptos, nada vai mudar. Votar, no Brasil, é pedir a cura... para quem é a doença... Ou acabamos com esses 3 poderes corruptos, ou eles acabam com o Brasil. Saka, parabéns pelo brilhante texto. Ass.: Old Monster :)

    ResponderExcluir
  7. O sol na cabeça. Adoro ver 'os que querem o poder para sempre...' rangendo bytes e pixels nos blogs envenenados...
    http://brasilsoberanoelivre.blogspot.com/2014/01/o-sol-na-cabeca.html …

    ResponderExcluir
  8. dilma se está cagando para o Brazil e para os brasileiros desde que na sua viagem a Roma para ver o Papa, não ficou hospedada no palácio onde está instalada a nossa embaixada, tendo declarado que quando viaja não olha a despesas.
    Ou já se esqueceram?

    ResponderExcluir
  9. Aduladores do caos. Os pobres não herdarão o Reino da Terra. Quais serão, então, as nossas escolhas? Lei 5700 neles! http://brasilsoberanoelivre.blogspot.com/2014/01/aduladores-do-caos.html …

    ResponderExcluir
  10. Companheiros: São raras as obras no Brasil, que contam com financiamento semelhante ao do Porto de Mariel, em Cuba! http://brasilsoberanoelivre.blogspot.com/2014/01/companheiros-editorial.html …

    ResponderExcluir
  11. Li e reli o texto acima e também todos comentários eu gosto de politica, infelizmente não posso gerencia-lo essa mesma politica tecnicamente falando, somente uma vez a cada 4 anos sim, agora me procurem se estou satisfeito com todas essas mazelas que andam acontecendo no pais, principalmente a pressão sobre os pobres, toda crise só sobra para o nosso fiofó.

    ResponderExcluir
  12. Prezado sr. Ossami Sakamori, tomei conhecimento agora de seu blog e gostei da sua objetividade ao mencionar o que está acontecendo no Brasil, passando sua mensagem em poucas palavras sem rodeios, mas dando seu recado perfeitamente compreensível, para todos. Seus comentaristas também são, objetivos e dão seus recados, perfeitamente alinhados com seu blog. O nosso Brasil infelizmente tem um povo de um nível cultural tão baixo, que sinceramente não existem perspectivas de uma mudança radical, pelo menos nos próximos 20 anos. Um repórter perguntou na rua se alguém se casaria com uma pessoa de sexo oposto e a resposta unanime foi, "absolutamente não. "Quanto a palavra heterossexual, ninguém soube dizer o seu significado. Pobre Brasil!!!l

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.