Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

segunda-feira, 3 de março de 2014

Sobre Petrobras. Dilma & Graça Foster mentem!

Presidente da Petrobras Graça Foster, em entrevista coletiva dada no dia 25, terça-feira da semana passada, na apresentação do Plano Estratégico 2030 da Petrobras, mentiu descaradamente.  Ela é do mesmo time da presidente Dilma. Embaralha, embaralha, mas só mostra as castas naipes de espada. Ela é tão mutreteira em baralhos tanto quanto a Dilma.  Senão, vejamos os fatos.

Graça Foster, em entrevista coletiva, afirmou que o Brasil se posiciona como exportador importante, à luz dos números que ela própria apresentou, referindo-se ao Plano Estratégico 2030 da Petrobras.  A produção brasileira de petróleo chegaria em 2030 com 5,2 milhões de barris/dia, sendo que somente a Petrobras caberia a produção de 3,7 milhões de barris/dia.

A maturação do investimento na área de petróleo é na melhor das hipóteses a 6 anos, após o início do investimento em uma área específica, sobretudo na área de exploração.  Não há no horizonte próximo, investimento na exploração em novas área, senão no campo de Libra, com estimativa, otimista, de 1,2 milhão de barris/dia.  O restante, o restante está nos planos papel da Companhia.  Sem contar que no mesmo período considerado, alguns dos campos se tornarão secos, pela exaustão da exploração.

O Brasil, segundo último dado disponível, produziu 2,5 milhões de barris/dia, incluído produção das companhias estrangeiras.  Desse montante, aproximadamente 2,0 milhões de barris se refere a produção da Petrobras.  No cálculo inclui a produção de gás equivalente em barris de petróleo.  Bem, pelo cálculo apresentado pela Graça Foster de dizer que em 16 anos o Brasil vai dobrar produção de petróleo, já descontado os poços que serão desativados é um exagero.  É uma mentira!

A mentira fica mais escancarada, quando sabemos que mesmo o Plano de Investimento de US$ 236 bilhões, anunciado pela presidente Dilma e intensamente anunciada pela Petrobras, não vem sendo cumprido, por falta de recursos.   Os desinvestimentos anunciados não estão arrecadando o que se pretendia, os US$ 14,9 bilhões.  Isto também, já foi uma tremenda mentira!  Os empréstimos externos para investimentos estão cada vez mais difíceis, por Petrobras estar no limite de endividamento.   O quadro nada é bom para a Petrobras.  

Portanto, o anúncio feito pela Graça Foster é um tremendo blefe!  A Dilma e Graça Foster, gostam de jogar baralho, só com naipes de espada, pelo que parece.

Por outro lado a demanda pelo petróleo no Brasil, em 2013, foi de 3,3 milhões de barris/dia, estando com defasagem de 800 milhões de barris/dia entre produção e consumo.  O Brasil importa 800 milhões barris equivalente em petróleo/dia.  No ritmo de crescimento médio, o Brasil deverá estar com demanda acima de 6 milhões de barris/dia de petróleo em 2030.  O cálculo foi feito por mim, com horizonte de demanda modesta, abaixo de 4% ao ano.  

Portanto, é mentira Graça Foster afirmar que em 2030, o Brasil passará a ser exportadora de petróleo.  Diante da matemática não tem como enganar. É tudo cascata!  Os números considerados por mim, está otimisticamente avaliado pelo lado da produção e conservadoramente avaliado pelo lado da demanda.  As duas mentem, descaradamente diante do povo, otário, novamente.  Nós somos o bobo da corte da dupla Dilma & Graça Foster.

Dilma e Graça Foster, jogam baralho só com naipes espada!  

Ossami Sakamori
@SakaSakamori 




4 comentários:

  1. Sakamori, bom dia. Bem, estamos já em época de campanha, o que significa, para o PT, que a mentira se sobrepõe à política. O PT necessita da farsa para se manter no poder. Hoje, o único país, com exceção dos países autossuficientes em energia, como Rússia e Venezuela, por exemplo, com reservas de petróleo em abundância é os EUA, que investiu, em médio prazo, em infraestrutura. O Pré-sal é um investimento que, talvez, só em dez anos pode dar algum resultado, mas, não temos, porque não investimos, infraestrutura para explorar o petróleo, que, ainda, é mera especulação. Dilma e Foster estão especulando com o petróleo, assim como fez o coleguinha delas, o picareta falido do Eike.

    O que podemos esperar de uma empresa que está em condições de falência? O PT tem um projeto de poder perigoso, que se manter no executivo por tempo indeterminado, por isso, vende a ideia de que haverá petróleo daqui há cinco ou dez anos. Agora, quem for assumir o poder, PSDB, PSB, o seja lá que partido for, herdará uma empresa dissolvida com barris e cofres vazios...

    Assim, como a nova classe média e o crescimento do PIB, o petróleo da Petrobrás é apenas mais uma mentira que pode garantir a reeleição da Dilma. Mas, ao contrário, do que muitos pensam, a possível nova vitória do PT não será coroada pela chamada classe C, mas pelos grandes empresários, pela mídia, que, sem assumirem, já fecharam com a Dilma. Agora, eu te pergunto? qual será a nova mentira do PT? Veremos os próximos tristes capítulos.

    ResponderExcluir
  2. A dívida líquida da PETROBRÁS subiu dos 147 bilhões de reais em 2012 para R$ 221 bilhões de reais ! Um aumento de 50% em apenas 1 ano em 2013.

    Segundo a Bloomberg a PETROBRÁS é a empresa mais endividada do mundo !.
    Suas ações caíram ao menor nível desde 2005, cotadas a R$ 13,00.

    Os equívocos da política econômica lulo-petista estrangula a estatal petrolífera, maior empresa brasileira!!!!

    Vide:Revista VEJA (pág.74 edição2363 - março/2014)

    ResponderExcluir
  3. Sakamori-sam,

    Isso é conversa de imbecil ou vigarista. Esse bando que governa este país só pensa em se manter no poder, e para isso manobra grande parte da população menos esclarecida. Por isso só resta uma solução, retirar esse bando pela eleição.

    "PAÍS RICO É PAÍS HONESTO".

    ResponderExcluir
  4. Como diz um amigo aqui de Brasília que é economista, a situação está mais feia que a presidenta da Petrobrás. Será que chega a tanto?

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.