Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Ganhar ou perder a Copa 2014. O que é melhor para o Brasil?

Por Raphael Werneck

Li recentemente pela internet um artigo escrito  por Patrícia Pinheiro postado no dia 09.12.2009 sob o título FUTEBOL:O ESPETÁCULO MILIONÁRIO DO "PÃO E CIRCO".
Segundo a autora , a política do "pão e circo" foi implantada na Antiga Roma como uma estratégia dos Imperialistas que consistia basicamente em fornecer alimentação e diversão à população. Esta atitude era na verdade uma estratégia utilizada para manter o povo de barriga cheia e distraídos, evitando que eles se revoltassem.

Muitos anos se passaram desde então, continua a articulista e essa política não ficou restrita a Antiga Roma, hoje, algo bastante similar ocorre com o futebol. A mídia, principalmente a televisão e o rádio, trabalham com a espetacularização do futebol explorando a reprodução excessiva deste tema, fazendo com que as pessoas se prendam a ele, de modo que acabam dando maior importância a esta modalidade esportiva esquecendo-se dos reais problemas sociais do país, como os de ordem política e econômica.

Complementa a autora que uma grande evidência desta alienação das pessoas perante os problemas sociais brasileiros acontece nos anos de realização de Copas do Mundo que coincide com o momento político de maior importância do Brasil, as eleições presidências e, exemplifica que tal estratégia foi utilizada e com sucesso em 1970, quando o Brasil vivia o momento político bastante crítico da ditadura  militar do governo Médici.

Como sabem os meus contemporâneos naquela época enquanto muita gente era perseguida, presa e torturada o restante da população se  esqueceu de tudo de ruim que estava acontecendo no país e se focou no, no desempenho da seleção brasileira na Copa do Mundo que estava ocorrendo. Como na Copa de 1970 o Brasil tinha um time fora de série com Gerson, Pelé, Tostão e Rivelino entre outros, o futebol, por intermédio dos meios de comunicação, inclusive com edição de uma música ufanista como aquela cujo refrão era “90 milhões em ação, pra frente Brasil” serviu e minorou o sofrimento do povo tão castigado pelosproblemas existentes, como a inflação.

O Governo petista que tem feito como temos visto inúmeras atrapalhadas e falcatruasestá querendo se servir de nossa seleção e com o fato de a Copa se realizar no Brasil para fazer propaganda de seu governo e com isso poder continuar no poder por mais 4 anos.

Sabemos nós mais esclarecidos que mais 10 bilhões de reais tem sido gastos pelo Poder Público em estádios que após a Copa virarão “verdadeiroselefantes brancos” e, que estes bilhões seriam muito mais úteis para a solução de problemas com a saúde públicas se destinados a construção de hospitais.

Sabemos, mas e o povo sabe? Não o povo não sabe . Para ele, em seu ufanismo, o importante é ganhar a copado mundo e se vingar de nossa derrota de 1950 quando a competição também se realizou no Brasil.

Daqui há 4 anos, volto a repetir, poderemos formar outro time e ganhar a copa do mundo e, colocar a 6ª estrela em nossa camisa verde e amarela. A vitória na copa terá um gosto bom para o povo, mas este gosto será passageiro e um gosto amargo tomará conta de nossas vidas e de  nosso País.

A Copa Passa e a Conta a Pagar Fica para o Povo!



Reflitamos sobre o assunto é só que peço.

#AcordaBrasilAntesQueSejaTarde !


Raphael Werneck

@RaphaelWerneck

10 comentários:

  1. Perder. Acho estes estádios mal construídos. Já pensou se um desaba. Deus meu. Nos livre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo que ganhasse tudo de graça, jamais colocaria minha família no Gambazão feito nas coxas. A insensibilidade com a nossa vida é tão grande, que nem interessa fazer um teste forte nas estruturas. O teste será mesmo na abertura e se lasque quem estiver por lá e haja uma tragédia. Aliás, tragédias anunciadas serão a tônica dessa ganância vermelha em promover uma Copa do Mundo num país completamente destruído por eles mesmos.

      Excluir
  2. Ganhar ou perder dá na mesma. A atenção do brasileiro menos avisado já está na Copa. Estão torcendo para que tudo fique pronto e que o Brasil mostre uma cara que não é a dele: pobreza, miséria, falta de infra-estrutura, de hospitais, etc. Vamos ver o que acontecerá quando turistas precisarem de alguma coisa fora dos hotéis.

    ResponderExcluir
  3. LÍNGUA FERINA

    Pão e circo dos romanos repetido hoje no Brasil
    Pão e circo, foi a estratégia dos imperadores romanos para manterem o povão entretido e esquecer os graves problemas da injustiça social que crescia no império. No Brasil hoje, se repete semelhante estratégia com diferentes disfarces.

    Depois do carnaval. Semana Santa....
    Depois da copa do mundo virão logo, logo, os campeonatos brasileiro, série A, B, C, D. Na Amazônia virão os carnavais de bois de Parintins, no Amazonas e do Sairé de Alter-do-Chão, no Pará. Em seguida virão dois eventos, um circense e outro religioso devocional. O primeiro são as eleições nacionais e o outro, a grande festa do Círio de Nazaré, em Belém, e Aparecida em SP. que arrastará multidões impressionantes às ruas da cidade.

    E o pão oferecido às multidões? Aí estão os vários pratinhos: Bolsa família, que deveria ser apenas o início do plano Fome Zero, que se executado seriamente tiraria maior parte dos pobres da miséria; aí estão os micro créditos argolando aposentados e pensionistas do INSS; aí está o esperançoso programa Minha Casa minha Vida, que chega justamente agora em véspera das eleições nacionais. Isto além de outras pequenas benfeitorias, que entretêm a população e fazem subir o índice de popularidade de alguns.

    Ao grande capital o “império” brasileiro oferece a bandeja cheia de queijo e caviar. Até quando pão e circo vão manter a turba calma é o que se pergunta. Roma teve seu dia em que o pão e o circo não foram suficientes.

    Fonte: http://candidoneto.blogspot.com.br/2010/05/pao-e-circo-dos-romanos-repetido-hoje.html

    ResponderExcluir
  4. Pão e Circo em Roma:
    Com o crescimento urbano vieram também os problemas sociais para Roma. A escravidão gerou muito desemprego na zona rural, pois muitos camponeses perderam seus empregos. Esta massa de desempregados migrou para as cidades romanas em busca de empregos e melhores condições de vida.
    Receoso de que pudesse acontecer alguma revolta de desempregados, o imperador criou a política do Pão e Circo.
    Esta consistia em oferecer aos romanos alimentação e diversão.
    Quase todos os dias ocorriam lutas de gladiadores nos estádios (o mais famoso foi o Coliseu de Roma), onde eram distribuídos alimentos.
    Desta forma, a população carente acabava esquecendo os problemas da vida, diminuindo as chances de revolta.

    Encarando isto de uma forma mais pratica, trata-se de uma tecnica de controle de massas baseado no desejo básico das pessoas (identificado com estudos especificos de satisfação e analises de manifestações) de forma em que cria-se uma capa de paz aparente e se desvia a atenção para algo razoavelmente bom mas tornando a melhor coisa do mundo, ofuscando a real causa dos vários problemas que se originam em um unico grande ponto.

    No Brasil essa técnica é aplicada de uma forma auto-sustentadora que só precisa de uma manutenção periódica para os alienados tratarem de oprimir qualquer possível solução para o próprio problema que não conseguem enxergar.

    *********************************Texto de Coelho Garçom:********************************

    ResponderExcluir
  5. Vou torcer para o Brasil perder a Copa do Mundo.
    Nossos hospitais sem condições de atender a população, enquanto o PT torra o dinheiro público em obras superfaturadas de estádios, portos em Cuba e hidrelétricas no Caribe.
    E faz tempo mesmo que jogadores não representam a pátria, são um bando de mercenários (com raras exceções) , como o PT.
    Será bom a seleção ser eliminada logo na primeira fase, assim o povão que está dormindo acorda, e uma mudança eleitoral pode nascer, graças à insatisfação e sentimento de fracasso futebolístico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvida alguma. Brasil será eliminado bem precoce e PT vai vazar e devolver o nosso Brasil, a fim de que possamos voltar a torcer pela NOSSA seleção em 2018.

      Excluir
  6. Sem sombra de dúvidas.

    ResponderExcluir
  7. Parabéns. É isso mesmo o que querem fazer com nós brasileiros, usar o futebol como meio para abafar a má gestão da coisa pública. Não sei se vão conseguir. Alguma coisa me diz que mesmo com que o Brasil venha a ganhar a Copa do Mundo, ainda assim teremos problemas. Como as coisas andam, provavelmente terem manifestações no curso dos jogos. Agora é aguardar. Para ler o nosso blog, acesse: www.ideiasefatostucujus.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. A copa é um Diazepan, e as prefeituras do PT me vem com FERIADO, aí é pra internar de vez e morrer de overdose!!!

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.