Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Brasil da Dilma. Os novos abutres!


Definitivamente, Dilma não serve para continuar no cargo de presidência da República.  Ela é uma pessoa que tem muita pouca noção sobre a economia global.  Ela e ferrenha adepto de uma espécie de "ideologia" dos cubanos irmãos Castro ou de um ideologia bolivariano do Nicolás Maduro da Venezuela.  Ela tem pensamento do século passado, da ideologia comunista. 

Os debates entre o grupo comandado pela Dilma, entre os quais o ministro da Fazenda Guido Mantega e o presidente Alexandre Tombina e o grupo do PT que neste momento é capitaneado pelo chefe da Casa Civil Aloizio Mercadante estão vazando às paredes dos gabinetes do Palácio do Planalto.  

O debate sobre preços administrados gerou polêmica na semana passada depois que o ministro Aloizio Mercadante (Casa Civil) admitiu à Folha que o governo dosa os reajustes de preços públicos para não prejudicar o consumidor e garantir o cumprimento da meta de inflação. Fonte: Folha.

O primeiro grupo enxerga no estilo presidencial uma virtude, na linha de quem busca segurar o apetite de lucro dos empresários e proteger o consumidor. O segundo grupo considera a estratégia uma política equivocada, que provoca distorções e trará custos pesados para ser desmontada. Fonte: Folha.

A presidente Dilma sofre do síndrome "bipolar".  Alguém já disse que ela tem dois cérebros.  Não, não é, ela sofre de uma doença muito conhecido no meio da psiquiatria, o síndrome bipolar.  Eu prefiro pensar que ela sofre da doença do que pensar que o Brasil está sendo governado por uma incompetente, uma fugido da faculdade de economia do Rio Grande do Sul.

A cada dia, fica claro que a Dilma adota política econômica (sic) equivocada, desde o primeiro dia do governo.  Este blog já percebeu isto desde o primeiro ano do governo da Dilma.  Por falta de crítica à "nova matriz econômica" da Dilma pela imprensa e pelos notórios pensadores do mundo econômico, inauguramos este blog em 15 de fevereiro de 2012.  

Muito engraçado este mundo político. Enquanto a popularidade da Dilma estava em 77%, ninguém foi contra à "nova matriz econômica".  Bastou economia começar a fazer água, que aparecem os abutres da administração Dilma.  O senador Aécio, em plenário do Senado, já vinha fazendo crítica à política econômica da Dilma há algum tempo. Porém. bastou ele se lançar candidatos que aparecem os "puxadores de saco" para alinharem-se a ele.

Samuel Pessôa é um economista competente, foi articulista da Folha nesses anos todo.  Ele é formulador de algumas teorias, das quais de algumas sou aluno.  Pois ele é o formulador da política econômica do candidato Aécio Neves. Aparece, então, o ex-presidente do Banco Central no governo Lula, o ex-banqueiro Henrique Meirelles à somar-se à fileira da crítica sobre a "nova matriz econômica" da Dilma.

Certamente, não faltarão no meio empresariado e no meio de analistas econômicos os críticos a "nova matriz econômica", leia-se política econômica.  E não faltarão mídia para dar espaço aos novos formuladores da "matriz econômica", já que o quadro econômico do País está deteriorando rapidamente, sobretudo com a queda da popularidade da Dilma nas pesquisas.

Crédito da foto: Estadão

Seja como for, sobretudo os candidatos alternativos à Dilma que apresentem a "matriz econômica" que venham substituir a atual, sem o que fica muito difícil avaliar a consistência ou não dos seus planos para o Brasil.  E que os economistas e analistas de mercado apresentem as alternativas para a saída da crise que o Brasil se meteu.  A hora é agora ou cale-se para sempre!

Ossami Sakamori
@SakaSakamori







7 comentários:

  1. O governo é ruim. O crescimento é pífio, a qualidade da gestão dos ministros é sofrível. Os programas "estruturantes" estão atrasados. O modelo econômico se esgotou. Edita pacotes e mais pacotes a cada quinzena, sinal que não tem um programa consistente. E o que faz a presidente? Cercada de auxiliares subservientes e incapazes, de Lobões, Idelis, Cardozos e Mercadantes grita. Como se os gritos ocultassem os fracassos.

    O Brasil que ainda cresce é aquele sem relação direta com as ações governamentais. É graças a essa eficiência empresarial que não estamos em uma situação ainda pior. Mas também isso tem limite. O crescimento brasileiro do último trimestre, comparativamente com o dos outros países dos Brics (Rússia, Índia e China) ou do Mist (México, Indonésia, Coreia do Sul e Turquia), é decepcionante. E o governo não sabe o que fazer. Está perdidaço. Triste. Abs.
    Zé Tucano

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos continuar a perpetuar essa corja,via URNAS ELETRONICAS,as maquinetas de fazer milagres petralhanos (viva a orgia em cima de nós,pobres bananenses manipulados).

      Excluir
    2. Por que os políticos não reclamam das urnas?

      Excluir
  2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkUM REAÇAPOKEMONkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ri-te... ri-te....seu petista, quando souberes que vais levar no cu até choras.

      Excluir
  3. Hoje com a maldita decisão do ministro Teori Zavascki do STF em libertar todos os presos da operação Lava a Jato da Policia Federal, definitivamente que politicamente o Brazil entrou na Idade das Trevas.

    ResponderExcluir
  4. Realmente, a cara de pau dessa quadrilha nao tem limites. Entao, o cara rouba, eh apreendido pela Policia Federal e o STF manda soltar o larapio? Entao pra que Policia Federal se nao respeitam a entidade, assim como nao respeitam a sociedade!

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.