Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

PT e PSDB são "neoliberais"!


Christine Lagarde é francesa, 60 anos, inteligente. Ela dita regras do neoliberalismo ao mundo global, na condição de diretor gerente do FMI - Fundo Monetário Internacional, organismo multilateral. A opinião da Christine pauta a agenda dos países emergente, com menor expressão política como o Brasil. O País ocupa hoje a 9ª economia do mundo, com cerca de 2,5% do PIB do mundo. Ela será protagonista do Fórum Econômico Mundial, que acontecerá em Davos na próxima semana. 

Christine Lagarde afirma que o aumento da taxa básica de juros dos títulos americanos, previsto para próximos meses, causará impacto negativo aos países emergentes. Ela sabe o que fala. Ela sabe que, com o aumento da taxa básica de juros nos Estados Unidos, haverá revoada de investimentos especulativos de países emergentes para os Estados Unidos. Brasil será o perdedor de capitais na nova conjuntura anunciada pela Christine. 

A fala da Christine Lagarde tem importância aos países emergentes como o Brasil. O fato de Brasil ter pago o empréstimo subsidiado do FMI, feito no governo FHC e pago no governo Lula, não livra o País de estar fora das regras ditadas pelo FMI. Aliás, o Brasil aumentou a participação no capital do FMI, no governo Lula. A credibilidade do governo Dilma, passa necessariamente pela aprovação da Christine Lagarde.

Ao contrário da imagem que o PT quer passar ao povo brasileiro, o governo do PT está comprometido até o pescoço com o "neoliberalismo" pregado pelo FMI, tão criticado pelo PT, Dilma e Lula. Dilma vai ter que engolir a Christine, querendo ou não querendo. Brasil perdeu credibilidade no mercado financeiro global. 


O Nelson Barbosa é professor titular da Fundação Getúlio Vargas, em licença, para exercer o cargo de ministro da Fazenda do governo Dilma. Nelson Barbosa é tão "neoliberal" quanto o Armínio Fraga que foi o potencial ministro da Fazenda de um eventual governo Aécio Neves. Da cartola do Nelson Barbosa, não sairá nenhum "coelho" novo, a não ser aquele enquadrado na fórmula clássica de neoliberalismo do FMI. 

A Christine Lagarde faz escola para Nelson Barbosa, Joaquim Levy e ao professor de ambos, o Armínio Fraga. Portanto, é importante prestar atenção nas falas da Christine Lagarde. Ao contrário do que o governo PT quer passar a para a população, a política econômica do PT é a mesma do governo passado do PSDB, isto é, "neoliberal". O PT é "neoliberal" até a medula, tanto quando é para o PSDB. 

Este articulista tem divergências "importantes", com os formuladores da política econômica do PT e PSDB. Entendo que o pensamento neoliberal defendido por ambos partidos, submetem os interesses do País aos interesses dos países mais ricos e desenvolvidos. Os pontos divergentes estão expostos nas sucessivas matérias já postadas neste blog. Digamos que estou mais à direita do pensamento neoliberal.

Não se estressem e nem percam tempo querendo me rotular como "neoliberal". Estou mais à direita. O PT e o PSDB são "neoliberais"!

Ossami Sakamori











3 comentários:

  1. Quem é eleitor no Brasil há mais de 50 anos, como eu, sabe que os partidos políticos brasileiros são, sem excessão, clubes que fingem ser inimigos e que têm interesse pelo povo quando em realidade são todos apátridas, negociadores de interesses próprios e de seus pares e nunca pensam no povo ou no país. São todos traidores, dissimulados, mentirosos e para quem não acredita veja quantos partidos políticos há no Brasil e a lastimosa situação do povo. Não dá para comparar o Brasil com nenhum país sério. Lastimo dizer isso, mas contra fatos não há argumentos.

    ResponderExcluir
  2. Uma óptima actividade de regulação de mercado
    .
    Não há necessidade do Estado possuir negócios do tipo cafés (etc)... porque é fácil a um privado quebrar uma cartelização... agora, em produtos de primeira necessidade (sectores estratégicos) - que implicam um investimento inicial de muitos milhões - a existência de empresas públicas no mercado... sujeitas a uma constante atitude crítica do contribuinte/consumidor permitirá COMBATER EFICAZMENTE A CARTELIZAÇÃO privada.
    [ver blog « http://concorrenciaaserio.blogspot.pt/ »]
    .
    .
    .
    Anexo: A Política com um Novo Paradigma
    -» O CONTRIBUINTE NÃO PODE IR ATRÁS DA CONVERSA DOS PAROLIZADORES DE CONTRIBUINTES - estes, ao mesmo tempo que se armam em arautos/milagreiros em economia (etc), por outro lado, procuram retirar capacidade negocial ao contribuinte!!!
    .
    -» Mais, quando um cidadão quando está a votar num político (num partido) não concorda necessariamente com tudo o que esse político diz!
    -» Leia-se, um político não se pode limitar a apresentar propostas (promessas) eleitorais... tem também de referir que possui a capacidade de apresentar as suas mais variadas ideias de governação em condições aonde o contribuinte/consumidor esteja dotado de um elevado poder negocial!!!
    -» Ver blogs « Fim-da-Cidadania-Infantil » e « Concorrência a Sério ».
    .
    .
    P.S.
    O CONTRIBUINTE TEM QUE SE DAR AO TRABALHO!!!
    Leia-se: o contribuinte tem de ajudar no combate aos lobbys que se consideram os donos da democracia!
    ---»»» Democracia Semi-Directa «««---
    Isto é, votar em políticos não é (não pode ser) passar um cheque em branco isto é, ou seja, os políticos e os lobbys pró-despesa/endividamento poderão discutir à vontade a utilização de dinheiros públicos... só que depois... a ‘coisa’ terá que passar pelo crivo de quem paga (vulgo contribuinte).
    Leia-se: deve existir o DIREITO AO VETO de quem paga!!!
    [ver blog « http://fimcidadaniainfantil.blogspot.pt/ »]
    .
    .
    P.S.2.
    Outros Direitos que já há alguns anos (comecei nos fóruns clix e sapo) aqui o je vem divulgando:
    1- O Direito à Sobrevivência de Identidades Autóctones : ver blog "http://separatismo--50--50.blogspot.com/".
    2- O Direito à Monoparentalidade em Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas: ver blog "http://tabusexo.blogspot.com/".

    ResponderExcluir
  3. O Brasil é rico em minério, nióbio por ex; sendo o País que mais "taxa" a população, precisa de empréstimo do FMI? o problema é que tanto PT quanto PSDB, PMDB,..querem gastar o dinheiro arrecadado dos impostos como se fossem ditadores. Eles não gerenciam o dinheiro, apenas gastam. Qual empresa privada se mantém no mercado se não houver planejamento e controle financeiro para se manter e investir?

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.